ASSINE O JORNAL IMPRESSO

SEMESTRAL R$ 75,00

ANUAL R$ 140,00

(48) 3535-1256


Santa Catarina está de luto pela tragédia hoje no oeste do estado

Segurança

há 1 mês


04/05/2021 19h37 - Atualizado em 04/05/2021 19h44


As três crianças que morreram no ataque a uma creche em Saudades, cidade próxima a Chapecó no Oeste, na manhã desta terça-feira (4) foram identificadas pela Polícia Civil. As vítimas são Sarah Luiza Mahle Sehn, de 1 ano e 7 meses, Murilo Massing, de 1 ano e 9 meses e Anna Bela Fernandes de Barros, de 1 ano e 8 meses. 

 

As professsoras

As outras vítimas do ataque foram a professora Keli Anicevski que morreu no local tinha 30 anos e agente educadora Mirla Renner,  trabalhava como agente educacional na creche. Ela completou 20 anos em janeiro deste ano, chegou a ser levada ao Hospital de Chapecó, mas não resistiu aos ferimentos e também veio a óbito.

As cinco vítimas foram mortas pelo jovem Fabiano Kipper Mai, de 18 anos. Ele invadiu a unidade escolar por volta das 9h30min desta terça e utilizando uma espada Katana, uma espada japonesa usada pelos samurais, popularmente conhecida como “espada ninja” e matou as cinco pessoas.

Na casa do suspeito, a polícia encontrou o computador que deverá ser analisado pela polícia, as embalagens das duas facas utilizadas no crime e cerca de R$ 11 mil em espécie. Conforme o relato dos pais à polícia, ele trabalhava e o valor estava sendo guardado. Os motivos, no entanto, não foram informados. O autor do ataque tentou suicídio, ficou gravemente ferido e foi conduzido ao município de Pinhalzinho, a 11 km do município de Saudades.

 

O ataque

O jovem de 18 anos entrou na creche armado com uma espada. Segundo o delegado Jerônimo Marçal, o agressor teria atacado a professora Keli na entrada na escola. Ela então correu para a sala onde estavam quatro crianças, todas menores de dois anos.

Além deles, o suspeito atacou Mirla, que fazia um trabalho no local no momento do crime, que chegou a ser socorrida mas morreu no hospital.

O município de Saudades tem 9,8 mil habitantes, 70 quilômetros de Chapecó e o crime chocou os moradores da pequena cidade.

Prefeito de Saudades decretou luto oficial por 3 dias. Governadora Daniela, colocou 25 psicólogos a disposição. 

 

 

Fonte: g1 globo

Compartilhe esta notícia



Voltar


Copyright 2019 - Todos os direitos reservados - Jornal Volta Grande