ASSINE O JORNAL IMPRESSO

SEMESTRAL R$ 75,00

ANUAL R$ 135,00

(48) 3535-1256


Vento de 90 km/h na região causa prejuízos e deve chegar a 100 km/h até o meio dia

Segurança

há 1 mês


01/07/2020 07h46 - Atualizado em 07/07/2020 06h31


A madrugada deste primeiro dia de julho foi de preocupação para os moradores do Sul do estado. O vento em alguns municípios do vale do Araranguá foi de 90 km/h. E segundo o meteorologista Marcio Sonego, o vento deve ser forte ainda até o meio dia, deste dia 01 de julho e pode chegar a 100 km/h. “Estamos com o ciclone, por isto que o vento é demorado a passar! Fique por casa até o meio dia.” Muitos municípios estão sem energia elétrica, sem telefonia, muitas casas com telhados arrancados. Em Sombrio um poste caiu em cima de um caminhão. Em São João do Sul, uma casa foi arrancada. Em Jacinto Machado, muitas árvores foram arrancadas, uma delas uma linda árvore centenária ao lado da igreja matriz foi ao chão. Rodovia Sombrio a Jacinto caiu árvores e foi interrompido o trânsito.

 

No estado, as regiões mais atingidas foram no Oeste, norte e na capital do estado. Segundo a Celesc, metade das casas, ficaram sem energia elétrica ontem no estado. Em Florianópolis, aviões não puderam aterrissar no aeroporto Hercílio Luz. Muitas empresas com armação arrancadas, placas comerciais e de trânsito foram ao chão.

Segundo a defesa civil, já morreram 9 pessoas em função dos ventos e temporais. Na região sul, na barragem do Rio São bento, foi registrado vento de 134 Km/h.

 

Fonte: Jornal Volta Grande/José Mota

Compartilhe esta notícia



Voltar


Copyright 2019 - Todos os direitos reservados - Jornal Volta Grande