ASSINE O JORNAL IMPRESSO

SEMESTRAL R$ 75,00

ANUAL R$ 135,00

(48) 3535-1256


Reunião histórica | Bancada do Sul recebe da ACIVA as principais demandas do Vale do Araranguá

Política

256

há 3 meses


16/04/2019 08h42


O grupo Bancada do Sul, formado por oito deputados estaduais e três federais do Sul de Santa Catarina, se reuniu na manhã de segunda-feira (15) na ACIVA com as principais lideranças políticas e comunitárias do Vale do Araranguá

 

Uma ação inédita dos parlamentares, que representam o Sul de Santa Catarina, marcou a última segunda-feira (15). Os oito Deputados Estaduais que compõem a Bancada do Sul, se reuniram na Associação Empresarial de Araranguá e Extremo Sul Catarinense (ACIVA), com empresários, prefeitos, vereadores, líderes comunitários e representantes da sociedade civil organizada.

 

Em uma reunião histórica, a Bancada ouviu atentamente todas as reivindicações da região, que foram apresentadas pelo presidente da ACIVA, André Piestch Serafin. "Todas as demandas foram elencadas com a colaboração da sociedade civil de toda a Amesc e o resultado foram oito demandas e uma sugestão aos legisladores", explicou.

 

Entre as demandas, foram priorizados pedidos relacionados a saúde e obras de infraestrutura rodoviária. A energia também foi lembrada, como um dos problemas que precisam de solução imediata.

 

Diversas demandas foram documentadas e entregues aos deputados. No entanto, oito delas ganharam maior atenção durante a reunião. Confira:

 

Celesc: Construção de uma subestação próxima ao trevo de acesso ao Balneário Arroio do Silva e aquisição de um transformador de 26 MVA;

 

Hospital Regional de Araranguá: Foi entregue uma lista com pedido de aquisição de equipamentos para o bloco cirúrgico, totalizando R$ 3.500.000,00 (Três milhões e quinhentos mil reais) em investimentos;

 

Hospital São Roque (Jacinto Machado): Pedido de capitação de recursos para execução do projeto de expansão do hospital São Roque, que é especializado em Geriatria. O projeto possui orçamento de R$ 1.000.000,00 (Um milhão de reais);

 

UFSC (Curso de Medicina): Acompanhamento da obra do prédio destinado ao curso de Medicina, aquisição de livros para os cursos de Medicina e Fisioterapia e aquisição de equipamentos para o laboratório.

 

Rodovia SC-108: A quinta demanda foi o pedido de pavimentação de 32 Km da rodovia que liga Jacinto Machado a Praia Grande. A obra é essencial para a logística industrial da região, encurtando distâncias e facilitando o escoamento de toda a produção agrícola de Jacinto Machado;

 

Serra do Faxinal: Recentemente, o Governo Federal anunciou a privatização do parque Serra Geral e Aparados da Serra, em Cambará do Sul. Com a paralisação da pavimentação da Serra do Faxinal em 2017, a ACIVA pediu aos deputados que lutem pela continuação desta importante obra;

 

Serra da Rocinha: Assim como a UFSC, a ACIVA lembrou a importância da Serra da Rocinha. Obra realizada pelo Governo Federal, a BR-285 é de extrema importância para a economia do extremo sul catarinense e, por este motivo, precisa de toda atenção dos parlamentares, para impedir que a obra paralise, e assim, seja concluída dentro do prazo estipulado pelo DNIT;

 

Interpraias: Entre as demandas regionais, a ACIVA lembrou que a obra de uma ponte, que ligaria o Morro dos Conventos ao Distrito de Hercílio Luz, pode marcar o início da Interpraias, além de atender a demanda histórica de uma comunidade, incentivando também o turismo.

 

 

Demandas regionais

 

Após a reunião na Amesc, a Bancada do Sul se reuniu em Criciúma e Tubarão. A expectativa, segundo o presidente da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), Julio Garcia, é de marcar uma nova reunião, somente com os deputados, para definirem estratégias e a atuação da Bancada referente a cada demanda apresentada.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Compartilhe esta notícia



Voltar


Copyright 2019 - Todos os direitos reservados - Jornal Volta Grande