ASSINE O JORNAL IMPRESSO

SEMESTRAL R$ 75,00

ANUAL R$ 135,00

(48) 3535-1256


Réu é condenado a 20 anos pelo assassinato da própria esposa

Geral

1.9 mil

há 3 meses


10/04/2019 15h00


O Tribunal do Júri de Araranguá, condenou ontem terça-feira dia 09, por feminicídio triplamente qualificado, Lafayette dos Santos Martins, acusado de matar a esposa, Tânia Regina Teixeira Machado. A sentença fixou a pena de 20 anos de prisão em regime fechado.

Tânia foi encontrada morta na manhã do dia 06 de agosto de 2017, na orla marítima do Balneário Arroio do na Praia da Meta, amarrada com uma corda de pescador na altura do peito. Ela foi agredida na cabeça, ficou desacordada e foi amarrada na corda, morrendo afogada.

Lafayette que está preso desde 22 de setembro de 2017, após a condenação, voltou ao Presídio Santa Augusta para cumprir a pena.

O Júri popular que iniciou pela manhã e terminou por volta das 20h30min, teve na acusação, o Promotor de Justiça, Dr. Ricardo Gabriel Zanon Meyer, na defesa do réu, o Advogado Leandro Gonçalves e foi presidido pela Dra. Letícia Pavei Cachoeira.

 

Fonte: Portal Agora Sul

Compartilhe esta notícia



Voltar


Copyright 2019 - Todos os direitos reservados - Jornal Volta Grande