ASSINE O JORNAL IMPRESSO

SEMESTRAL R$ 75,00

ANUAL R$ 135,00

(48) 3535-1256


Padre Natural de Forquilhinha será ordenado Bispo hoje

Fé e Espiritualidade

há 1 mês


19/09/2020 13h58


Padre Ângelo Ademir Mezzari, natural de Forquilhinha será ordenado Bispo no próximo Sábado (19), no Santuário Sagrado Coração Misericordioso de Içara. A ordenação Episcopal será realizada ás 15h com todos os cuidados devido a pandemia na qual estamos vivendo no momento. Segundo o Padre, a ordenação será mais restrita a familiares, amigos e convidados que vão prestigiar a celebração no interior do Santuário. No lado de fora estará livre para todos que quiserem prestigiar, também com todos os cuidados e inclusive com telões e tendas para melhor acomodar a todos.

 

Conheça um pouco da vida de Padre Ângelo

 

Padre Ângelo Ademir Mezzari nasceu no dia 2 de abril de 1957, na localidade de Sanga do Engenho, município de Nova Veneza, atualmente Forquilhinha, Santa Catarina. Filho de Antonio Mezzari (já falecido) e Maria Etelvina Ronchi Mezzari, sendo o mais velho de 7 irmãos.

 

Ingressou em fevereiro de 1969, ainda não completados 12 anos, no Seminário Rogacionista Pio XII, em Criciúma, SC., onde completou os cursos do ensino fundamental e médio. Em 1976 fez um ano obrigatório de serviço militar em Tubarão e Joinville (SC). Fez o noviciado canônico em Bauru, SP., em 1980, e emitiu a primeira profissão religiosa no dia 31 de janeiro de 1981. Fez os votos perpétuos no dia 29 de janeiro de 1984, em Criciúma, SC., como membro da Congregação dos Rogacionistas do Coração de Jesus. Fez os estudos para a licenciatura em filosofia (1977-1978) na Faculdade Nossa Senhora Medianeira, em S.Paulo, SP., e para o bacharelado em teologia (1981-1984), no Instituto Teológico Pio XI em S. Paulo, SP.

 

Ordenação Presbiteral e Formação

 

Recebeu a ordenação presbiteral no dia 22 de dezembro de 1984, em Sanga do Engenho (Forquilhinha, SC.), sua terra natal. Atualmente tem 39 anos de vida religiosa e 35 de sacerdócio. Após a ordenação sacerdotal, continuou seus estudos, obteve o bacharelado em Comunicação Social e Jornalismo na Universidade Federal do Paraná (1986-1989). Em 2003, obteve o grau de Mestrado em Teologia Dogmática na Pontifícia Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, da Arquidiocese de São Paulo, com uma tese sobre “Revelação e Comunicação”.  Após Formação atuou em Vários Estados, várias Missões e experiências em diversas áreas.

 

 

A escolha como Bispo

 

“As escolhas dos Bispos são muito criteriosas, não existe uma formação específica. São verificados os Padres que tem um perfil de Pastor ou que podem ser Bispo. Em cada País os Bispos tem por obrigação periodicamente indicar nomes de outros sacerdotes e também religiosos como eu, dependendo do tipo de trabalho e/ou formação. Então esses nomes são indicados onde cada País tem sua nunciatura apostólica onde depois é feito um levantamento que pode levar até 3 anos, esses relatórios do Brasil no caso são enviados para Santa Sé, onde fazem avaliações e completam as informações, Bispos, Padres e religiosos são consultados, porque até então o interessado não sabe, só mesmo no dia, pois tudo é mantido sob sigilo apostólico” explica o Sacerdote.

 

“Para mim foi uma surpresa, mas a minha expectativa mas muito feliz em aceitar essa Missão”

 

“Aquele temor e angústia natural eu tive até porque ser Bispo quer dizer ser sucessor dos Apóstolos então é uma Missão e responsabilidade bastante grande. Mas estou de coração aberto e tem que estar com disponibilidade Missionária. No caso eu estava em Bauru e agora em 3 meses já estou sendo transferido para SP onde vou trabalhar. Então depois de tantas avaliações com a graça de Deus o Papa autoriza a nomeação. No meu caso quando fui convidado já foi dito que eu seria nomeado Bispo Auxiliar em São Paulo. Por conta de toda minha história ter começado na Diocese de Criciúma, tendo em vista que minha família é aqui da região, então eu pedi que minha ordenação fosse realizada aqui na Diocese. Está sendo um momento muito especial para toda Diocese e região Sul. A partir do dia 4 de outubro iniciarei então a minha Missão na Arquidiocese de SP” completa Padre Angelo.

 

Fonte: jornal Volta Grande

Compartilhe esta notícia



Voltar


Copyright 2019 - Todos os direitos reservados - Jornal Volta Grande